Romantismo – Características, Autores

Romantismo: Características, Autores românticos e Gerações no Brasil.
Romantismo
O Romantismo somente foi definido como escola literária nos últimos 25 anos do século XVIII. A Alemanha e a Inglaterra foram pioneiras no romantismo, mas foi a França que divulgou a nova tendência.

Em Portugal, o poema “Camões” de Almeida Garrett foi o marco inicial do Romantismo no país.

O livro de poesias “Suspiros poéticos e saudades” e a revista Niterói são consideradas o marco inicial do Romantismo no Brasil. As duas obras foram lançados no ano de 1836.

O momento histórico em que ocorreu o Romantismo no Brasil, deve ser visto a partir da chegada da família real, em 1808, que leva o Rio de Janeiro a viver um processo de urbanização e intelectualização.

Características do Romantismo

Inicialmente, romântico era tudo aquilo que se opunha a clássico. Ou seja, passa a valorizar o caráter popular, o folclore e o que é nacional. O indivíduo passa a ser o centro das atenções, apelando para a imaginação e para os sentimentos, resultando uma interpretação subjetiva da realidade.

Veja uma tabela abaixo comparando algumas características do Classicismo com o Romantismo.

Classicismo

Romantismo

razão

sensibilidade

elitização

Motivos populares

Imagem racional do amor e da mulher

Imagem sentimental e subjetiva do amor e da mulher

erudição

folclore

paganismo

Cristianismo

Antiguidade clássica

Idade média

Impessoal, objetivo

Pessoal, subjetivo

Disciplina

Libertação

Geral, universal

Particular, individual

Modelo clássico

Não há modelos

Formas poéticas fixas

Versificação livre

Apelo à inteligência

Apelo à imaginação

Gerações românticas no Brasil

O Romantismo pode ser classificado em três gerações no Brasil.

Primeira – geração nacionalista: Exaltação da natureza, criação do herói na figura do índio, sentimentalismo e a religiosidade são algumas das características marcantes da chamada geração indianista. Principais autores: Gonçalves Dias, Gonçalves de Magalhães e Araújo Porto Alegre.

Segunda – geração do mal-do-século: Negativismo, desilusão, tédio e dúvida são características da segunda geração do romantismo. A fuga da realidade é um dos temas preferidos que se manifesta na exaltação da morte e nas virgens sonhadoras. Principais autores: Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu, Junqueira Freire e Fagundes Varela.

Terceira – geração condoeira: Caracterizada pela poesia social e libertária, reflete as lutas internas da segunda metade do reinado de D. Pedro II. Castro Alves foi seu principal representante.


Gostou? Curta nossa página no Facebook e receba conteúdo exclusivo sobre Romantismo – Características, Autores.

Related Posts

78 Comentários


  1. Cleyton Oliveira Bezerra, 1 ano atrás

    Puuuuuuuuuuuuuuuuutz, cadê as informações ?????????

    Responder


  2. ccklinsman@gmail.com, 1 ano atrás

    uhhuhuh..!!!

    Responder


  3. claudinha, 1 ano atrás

    falta conteudo!!!!!!!!

    Responder


  4. Abraao Moraes Soares, 11 mêss atrás

    muito bom tem tudo que eu queria

    Responder


  5. Cícero Rodrigues, 5 mêss atrás

    Queria informações sobre a primeira geração, principalmente sobre a religião…

    Responder


  6. kathrin samara, 4 mêss atrás

    cade o principal não gostei

    Responder


  7. Laís Neves, 4 mêss atrás

    Gostei, Muito Obrigado!!

    Responder


  8. Gleicy Soares, 3 mêss atrás

    Gostei muito obg!!!

    Responder


  9. Emily Aire, 3 semanas atrás

    Achei interesante pois tem tudo muito de explicado!!!

    Responder


Poste seu comentário

Siga-nos

Receba por email

logo rss

Digite seu email abaixo e receba nossas últimas atualizações por email.

Coloque o seu email abaixo: