Revolução Industrial – História, causas, modos de produção

História, causas, modos de produção da Revolução Industrial.
Revolução Industrial
Revolução industrial foi um conjunto de mudanças que ocorreram na Europa nos séculos XVIII e XIX. A principal característica dessa revolução foi a substituição do trabalho artesanal pelo assalariado com o uso das máquinas.

Até o fim do século XVIII grande parte da população européia vivia no campo e produzia o que consumia. Na forma artesanal o produtor dominava todo o processo produtivo.

Apesar da produção ser predominantemente artesanal, países como a Inglaterra e a França, possuíam manufaturas. As manufaturas eram grandes oficinas aonde diversos artesãos faziam as tarefas manuais, porém subordinados ao dono da manufatura.

A Inglaterra foi pioneira na Revolução Industrial devido a diversos fatores, tais como: o fato do país possuir a mais importante zona de livre comércio da Europa, a rica burguesia, o êxodo rural, a localização privilegiada junto ao mar o que facilitava a exploração dos mercados ultramarinos.

Como muitos empresários desejavam lucrar mais, o trabalhador era explorado sendo obrigado a trabalhar até 15 horas por dia por um salário baixo. Além disso, mulheres e crianças também era obrigados a trabalhar para sustentar suas famílias.

Alguns trabalhadores se revoltaram com as péssimas condições de trabalho, e começaram a sabotar as máquinas, ficando conhecidos como “os quebradores de máquinas“. Alguns movimentos também surgiram nessa época com o intuito de defender o trabalhador.

O trabalhador perdeu o conhecimento de todo o processo de fabricação passando a executar apenas uma etapa.

Primeira etapa da Revolução Industrial

Durante (1760-1860), a Revolução Industrial ficou limitada, basicamente, à Inglaterra. Houve o surgimento de indústrias de tecidos de algodão, com o uso do tear mecânico. Nessa época o aperfeiçoamento das máquinas a vapor contribuíram para a continuação da Revolução.

Segunda Etapa da Revolução Industrial

A segunda etapa ocorreu de 1860 a 1900, ao contrário da primeira fase, países como França, Alemanha, Itália e Rússia se industrializaram. A utilizacão do aço, o aproveitamento da energia elétrica e dos combustíveis derivados do petróleo, a invenção do motor a explosão, da locomotiva a vapor e o desenvolvimento de produtos químicos foram as principais inovações desse período.

Terceira Etapa da Revolução Industrial

Os avanços tecnológicos do século XX e XXI tem sido vistos por alguns historiadores como a terceira etapa da Revolução Industrial. O computador, o fax, a engenharia genética, o celular seriam algumas da inovações dessa época.


Gostou? Curta nossa página no Facebook e receba conteúdo exclusivo sobre Revolução Industrial – História, causas, modos de produção.

Related Posts

86 Comentários


  1. lais regina, 3 anos atrás

    é parabéns pra quem fez esse resumo…. aprendi bastante com ele.

    Responder


  2. victoira, 3 anos atrás

    se toca e fui muito otimo por isoo que eu tirei 10.0 no trabalho

    Responder


  3. isabela cara de tijela kkkkkkkkkkkkk, 3 anos atrás

    NNNNOOOOOOOSSAAAAAAA ´ GOSTEI MUITO TINHA TUDO QUE EU PRECISAVA, ACHO QUE VOU TIRAR 10 NO TRABALHO IIIIIIIEEEEEEEESSSSSSSSSS!!!!!!!!!!!!!

    Responder


  4. Diva, 3 anos atrás

    Gostei muito pois estou fazendo uma retrospectiva de vida de minha mãe que trabalhou nessas maquinas de tear e aqui encontrei tudo que precisava. eheheheheh

    Responder


  5. Rainan Rainanpires, 2 anos atrás

    eccccoooooo, tirei 2,0 e valinha 10,0

    Responder


  6. rainanpires, 2 anos atrás

    eco tirei 2,0 e valinha 10,0

    Responder


  7. Fernanda Araujo, 2 anos atrás

    haaaaaaaaaa eu quero é as causas e ai não tem o trabalho é pra amanha (08-03-12)

    Responder


  8. Diogo Santana, 2 anos atrás

    trabalho em cima da hora vou tirar 0. Que merda

    Responder


  9. Monique Alves, 2 anos atrás

    muito nada ver
    aff

    Responder


  10. Bruna Dos Santos, 2 anos atrás

    Nada a veer

    Responder


  11. Ale Soares, 2 anos atrás

    pts qeria só saber as causas…

    Responder


  12. Valito Mulhovo, 2 anos atrás

    muito pouco

    Responder


  13. eduarda, 2 anos atrás

    “”"”"”"”"”"”"”"”"”"”

    Responder


  14. Elielton, 2 anos atrás

    quero saber a forma de produção na revolução industrial

    Responder


  15. Ana Beatriz Sila de Oliveira, 2 anos atrás

    serviu de nada

    Responder


  16. nathalia, 2 anos atrás

    nossa tinha muito pouco !!!!
    mais ja me ajudou muito!!!!
    obrigaduuu…..

    Responder


  17. nathalia, 2 anos atrás

    :) *-*

    Responder


  18. Paulynha Barreto, 1 ano atrás

    Neste site ñ tem porcaria de nada…
    Ñ explica o que quero saber sobre a revolução industrial.
    Vê se melhora ai pô!!!
    Porque temos trabalhos, seminários, resumos e etc para fazer e as vezes precisamos de ajuda na net…

    Responder


  19. Paulynha Barreto, 1 ano atrás

    Neste site ñ tem porcaria de nada…
    Ñ explica o que quero saber sobre a revolução industrial.
    Vê se melhora ai pô!!!
    Porque temos trabalhos, seminários, resumos e etc para fazer e as vezes precisamos de ajuda na net…

    Responder


  20. Ilidio Mota Mota, 1 ano atrás

    kkkkkkkk issO está tdO atOa

    Responder


  21. James Douglas Ferreira Silva, 8 mêss atrás

    concordo

    Responder


  22. Gabriel Macciel, 3 mêss atrás

    ninguém tem obrigação de lhe informar nada! Levando a bunda da porra dessa cadeira e vai em uma biblioteca pesquisar sobre o assunto, te garanto que lá você vai encontrar tudo! vocês, estudantes do Século XXI querem tudo na mão!

    Responder


  23. Sidimar Marcos Liesch, 2 mêss atrás

    Gabriel Macciel , falo o que estuda sempre né

    Responder


  24. Victor Soares N, 2 mêss atrás

    que rebeldia é essa ai fera ?

    Responder


  25. Gabriel Corrêa, 2 mêss atrás

    Gabriel Macciel E o pior é que está tudo completamente explicado, mas não há capacidade intelectual de interpretar o texto e entender as coisas

    Responder


  26. Gabriel Macciel, 2 mêss atrás

    Sidimar Marcos Liesch Meu camarada a questão aqui não é quem sabe mais, mas sim pessoas ingratas que recebem a mão e querem o braço!

    Responder


Poste seu comentário

Siga-nos

Receba por email

logo rss

Digite seu email abaixo e receba nossas últimas atualizações por email.

Coloque o seu email abaixo: