ProUni – Bolsas, Nota, Enem, Renda, Universidades

ProUni - Bolsas, Nota, Enem, Renda, Universidades
O ProUni é um programa do governo que visa aumentar o acesso das pessoas carentes ao ensino superior. Para selecionar os candidatos a uma bolsa, o ProUni utiliza a nota do Enem ao invés do Vestibular. Contudo, não basta apenas uma boa nota para ser selecionado, é necessário preencher alguns dos requisitos do programa.

Veja abaixo algumas perguntas e respostas mais freqüentes por quem deseja uma bolsa.


Qual é a relação entre o ProUni e o ENEM?

Só pode se candidatar ao ProUni, referente ao segundo semestre de 2009, o estudante que tiver participado do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM de 2008 e obtido a nota mínima de 45 pontos (média aritmética entre as provas de redação e conhecimentos gerais). Não são consideradas as notas obtidas nos ENEMs anteriores. Os resultados do ENEM são usados como critério para a distribuição das bolsas de estudos, isto é, as bolsas são distribuídas conforme as notas obtidas pelos estudantes no ENEM. Assim, os estudantes que alcançarem as melhores notas no exame terão maiores chances de escolher o curso e a instituição em que desejam estudar.

Basta fazer o ENEM para se candidatar a uma bolsa?

Não, mas fazer o ENEM, referente ao ano de 2008, é o primeiro passo. Além de obter a nota mínima de 45 pontos nesse exame (média aritmética entre as provas de redação e conhecimentos gerais), estabelecida pelo MEC, é preciso que o estudante tenha renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos e satisfaça uma das condições abaixo:

* ter cursado o ensino médio completo em escola pública, ou
* ter cursado o ensino médio completo em escola privada com bolsa integral da instituição, ou
* ter cursado todo o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição, ou
* ser pessoa com deficiência, ou
* ser professor da rede pública de ensino básico, em efetivo exercício do magistério, integrando o quadro permanente da instituição e concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia. Neste caso, a renda familiar por pessoa não é considerada.

Ressaltamos que é obrigatória a informação, no momento da inscrição, do número do ENEM e do CPF (Cadastro de Pessoa Física) do candidato.

Como calcular a renda familiar por pessoa?

A renda familiar por pessoa é calculada somando-se a renda bruta dos componentes do grupo familiar e dividindo-se pelo número de pessoas que formam este grupo familiar. Se o resultado for até um salário mínimo e meio (R$ 622,50), o estudante poderá concorrer a uma bolsa integral. Se o resultado for maior que um salário mínimo e meio (R$ 622,50) e menor ou igual a três salários mínimos (R$ 1.245,00), o estudante poderá concorrer a uma bolsa parcial de 50% ou complementar de 25%. Entende-se como grupo familiar, além do próprio candidato, o conjunto de pessoas residindo na mesma moradia que o candidato que, cumulativamente, usufruam da renda bruta mensal familiar, e sejam relacionadas ao candidato pelos seguintes graus de parentesco: pai, padrasto, mãe, madrasta, cônjuge, companheiro(a), filho(a), enteado(a), irmão(ã),avô(ó).

Quais são os tipos de bolsa oferecidos?

* Bolsa integral: para estudantes que possuam renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio (R$ 622,50).
* Bolsa parcial de 50%: para estudantes que possuam renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos (R$ 1.245,00).
* Bolsa complementar de 25%: para estudantes que possuam renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos (R$ 1.245,00), destinadas exclusivamente a novos estudantes ingressantes.

É possível escolher qualquer curso em qualquer instituição?

Sim, desde que a instituição escolhida seja participante do ProUni. Ao fazer a inscrição o candidato poderá assinalar até sete opções de acordo com suas prioridades, que podem ser em instituições ou cursos diferentes. No entanto, há cursos que exigem requisitos específicos para matrícula. Em alguns cursos de Ciências Aeronáuticas, por exemplo, o estudante deve ter, dentre outras exigências, licença de piloto privado e uma determinada quantidade de horas de vôo para poder se matricular. Assim, é necessário muita atenção ao efetuar as opções de curso no momento da inscrição no ProUni, pois caso a matrícula não seja possível em função de requisitos desse tipo, o candidato perderá o direito à bolsa.

Fonte: MEC (Site do ProUni)


Gostou? Curta nossa página no Facebook e receba conteúdo exclusivo sobre ProUni – Bolsas, Nota, Enem, Renda, Universidades.

Related Posts

163 Comentários


  1. Renata, 1 ano atrás

    Quantos pontos preciso ter no ENEM para concorrer a 50% de uma bolsa para Biologia ?

    Responder


  2. Whainan Flores, 1 ano atrás

    Qual nota sera necessario tirar no ENEM para entrar em uma universidade privada no curso de Odontologia ?

    Responder


  3. Poliana Ferreira, 12 mêss atrás

    Quantos pontos eu preciso pra conseguir bolsa de 50 por cento ou 100 por cento no prouni?

    Responder


  4. marina, 11 mêss atrás

    que nota preciso tirar no enem para fazer enfermagem ?

    Responder


  5. Ana Paula Fernandes, 11 mêss atrás

    eu consegui 510 no enem da para pegar 50% do prouni e 50% fies.

    Responder


Poste seu comentário

Siga-nos

Receba por email

logo rss

Digite seu email abaixo e receba nossas últimas atualizações por email.

Coloque o seu email abaixo: